sexta-feira, 20 de maio de 2011

Salvador - BA

Quando estávamos no Iberostar - Praia do Forte, conhecemos um guia que nos levou até Salvador pra conhecer alguns locais turísticos.
Meu marido já conhecia, mas eu não, por isso eu insisti tanto, mesmo perdendo praticamente 1 dia de all inclusive do Hotel.

Capoeira (você encontra em muitos lugares em Salvador)

Na minha opinião nao justifica sair do Hotel pra conhecer poucos locais, como conhecemos com uma criança de 2 anos e meio, já que são quase duas horas de viagem até o Pelourinho, saindo do Hotel.
É bacana conhecer o Pelourinho, mas fomos e voltamos tão rápidos que nem observamos nada, ainda mais com o sol super forte. Eu fico de mau humor quando o sol está assim e não estou de roupas apropriadas (biquini), fico grudando, suando...afff.

As Baianas que tiram foto com você em Salvador

Bom, quanto aos passeios fomos no Pelourinho, gostamos, compramos lembrancinhas e tiramos foto também com uma baiana que vem super simpatica  como se não quisesse nada pra tirar foto com você e depois te cobra R$ 5,00...Como não é época de turismo, nao tinha muita coisa, nem muita gente por lá...Nos falaram que muitas crianças ficavam pedindo dinheiro na região, mas o guia nos informou que isso melhorou bastante no Pelô, dificilmente aparece uma criança pedindo.

Pelourinho
Pelourinho

O que significa Pelourinho.
Pelourinho ou picota são colunas de pedra colocadas em lugar público da cidade ou vila onde eram torturados e expostos criminosos. Tinham também direito de pelourinho os grandes donatários, os bispos, os cabidos e os mosteiros, como prova e instrumento da jurisdição feudal
Mai informações no site http://pt.wikipedia.org/wiki/Pelourinho


Esse é um Pelourinho.

Depois fomos para o Mercado Modelo, e pra chegar lá, fomos no famoso elevador Lacerda para a Cidade Baixa onde se encontra o Mercado.

Digo uma coisa, quando eu nao tinha filha não me importava com muitas coisas, mas agora eu dou importância até para um banheiro limpo e bom nesses locais. Tem mãe que não liga pra essas coisas, mas eu me incomodo as vezes.

Cidade Baixa:
Agora eu entendo o porque desse nome, saindo do Pelô, fomos a caminho do Mercado e demos de cara com uma visão incrível e belíssima da Cidade Baixa. Olhem as imagens.

Mercado Modelo na Cidade Baixa.

Elevador Lacerda e o Mercado Modelo
Esse elevador seria muito mais legal se fosse com vista panorâmica, ele é meio assustador dentro, super abafado e lotado de gente.

O Elevador Lacerda visto de baixo

História:
Foi construído pelo engenheiro Augusto Frederico de Lacerda, sócio do irmão, o comerciante Antônio Francisco de Lacerda, idealizador da Companhia de Transportes Urbanos, utilizando peças de aço importadas da Inglaterra. As obras foram iniciadas em 1869 e, com os dois elevadores hidráulicos funcionando, em dezembro de 1873 ocorreu a inauguração, com o nome de Elevador Hidráulico da Conceição da Praia. Popularmente conhecido como Elevador do Parafuso, posteriormente seria renomeado como Elevador Lacerda (1896), em homenagem ao seu construtor.
Após a sua inauguração, passou a ser o principal meio de transporte entre a Cidade Alta, onde se encontra o centro histórico, e a Cidade Baixa, local de concentração de atividades financeiras e comerciais em Salvador. Inicialmente operando com duas cabines, atualmente funciona com quatro modernas cabines eletrificadas que comportam 32 passageiros cada uma, com um tempo de permanência de 22 segundos.

Site:
http://pt.wikipedia.org/wiki/Elevador_Lacerda

Mercado Modelo:
Muitos itens para lembranças e de artesanato você encontra por lá. Bem bacana, se eu tivesse mais tempo pra ficar ali, teria feito umas comprinhas, mas não deu, fomos só pra visitar.

Mercado Modelo em Salvador

Mercado modelo por dentro
Foi inaugurado em 1912

Saindo de lá com a Manuela já irritada de sono e fome, passamos no Farol da Barra enquanto ela comia algo dentro do carro do guia mesmo. Não comemos em Salvador, pois estávamos a caminho do Projeto Tamar na Praia do Forte (ja postado no blog anteriormente).

Farol da Barra em Salvador


Farol da Barra em Salvador

História:
No século XVII, o porto de Salvador era um dos mais movimentados e importantes do continente, e era preciso auxiliar as embarcações que chegavam à Baía de Todos os Santos em busca de pau-brasil e outras madeiras-de-lei, açúcar, algodão, tabaco e outros itens, para abastecer o mercado consumidor europeu.
No fim desse século, após o trágico naufrágio do Galeão Santíssimo Sacramento, capitânia da frota da Companhia Geral do Comércio do Brasil, num banco de areia frente à foz do rio Vermelho

site:
http://pt.wikipedia.org/wiki/Farol_da_Barra_(Bahia)

Foi um passeio cansativo, repito que fui com pressa, mas é um otimo passeio para ir sem crianças pequenas e curtir um pouco de história do Brasil.

Estrelas: ***
Quanto gasta: Pela CVC comprando dentro do Hotel Iberostar Praia do Forte, eles cobram R$ 70,00 por pessoa a ida e volta junto, só que você provavelmente irá conhecer outros lugares em Salvador. Sai cedo e volta a noite. Nós fomos com o guia então foi um valor mais alto já que fechamos o dia todo com ele, no carro dele, passando pelo Projeto Tamar.
Ponto negativo: Sol, banheiros. Tivemos dificuldade de encontrar caixa eletrônico funcionando no centro da cidade. Perdemos um bom tempo a procura.

Boa viagem! Levem protetor solar e chapeu.

11 comentários:

  1. Quando fui ao pelourinho fiquei decepcionada com a quantidade pedintes. e também com essa mania dos vendendores ambulantes chegarem um presente minha rainha e depois "forçar " você a comprar na mão deles. Tirando isso O Pelourinho é um ótimo lugar para conhecer.
    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Oi Bruna, então tive sorte, não vi pedintes, mas vi bastante baianas e vendedores forçanco a barra pra vender.
    Acredito que em épocas de turismo deva ter mesmo.
    Grande beijo e obrigada pelo comentário.
    Jamile

    ResponderExcluir
  3. Oi... obrigada pela visita no meu cantinho. Vim retribuir e já estou te seguindo tb.

    Minha cidade é linda né? Amo Salvador.
    Realmente é chata essa questão dos pedintes, das baianas cobrarem para tirar foto e tal...
    Sabe aquele marzão da vista da cidade baixa? É sóv atravessar ele q é minha cidade. 40min de lancha para chegar na ilha. Morro em na ilha de Cacha-Pregos. Lindo demais tb rs

    Beijocas!

    ResponderExcluir
  4. Olá Jamile, obrigada pela visita, parabéns pelo blog, ótimas dicas de lugares maravilhosos, sucesso, bjs

    ResponderExcluir
  5. gostei das fotos da cidade

    ResponderExcluir
  6. obrigado milli pelo blog parabéns gostei muito

    ResponderExcluir
  7. Salvador é nota 10. Todas as dicas de pontos turisticos e praias é válida! Agora o trânsito é um CAOS! Não tem sinalização vertical, nem de solo. Motoristas todos mal educados e vale a lei do quem chega primeiro no cruzamento. Como é que uma cidade com um transito desses quer sediar a copa do mundo?

    ResponderExcluir
  8. Lindinha

    Moro em salvador a 8 anos.è uma cidade lindissíma com muita historia e lugares maravilhosos.Sem contar os restaurantes...O que mais amo em Salvador é a cultura que é muito rica.
    Mas...a cidade está abandonada.Sem segurança,muitos moradores de rua,pedintes, o pelourinho é um afronto ao turista,e as pessoas são extremamentes mal educadas e intererreiras.
    Mas são situações que so o poder publico pode melhorar. beijos

    ResponderExcluir
  9. Salvador, é otimo!!
    Tirando esses comentarios de pidente, forçando a comprar e blá blá blá!!
    Quando visitei fiquei impressionada com as baianas, com as suas culturas, pratos tipicos ( como acarajé q é uma delicia) ameii tudo daqui!!
    Seria capaz até de morar!! Todo mundo é amigo aki em salvador é amigo e tenho orgulho de falar essa frase:
    Eu amoooo Salvador!!!!!

    ResponderExcluir
  10. Se nao gosta de calor nao vem para o nordeste na alta estaçao que o bicho pega,mas Salvador é linda tem varias atraçoes alem das citadas que valem muuuito a pena conhecer...Nao gostaria de morar,pq a violencia de lá é quase igua a violencia do Rio...terrivel.

    ResponderExcluir
  11. Acho que as baianas tem que cobrar para tirar foto sim,pois em outros estados tudo é cobrado!Sabe quanto é para visitar o cristo Redentor?As baianas não vão se caracterizar a toa né gente!Salvador é uma cidade encantadora!!!

    ResponderExcluir